RUNFUN

A RunFun é líder em assessoramento esportivo no Brasil. Ajudamos milhares de pessoas na busca por mais qualidade de vida.

Entre em Contato
(31) 3654-3922
AV. PORTUGAL, 4340 / SL. 202
Siga a RunFun
Top

11 dicas para não desistir da corrida de rua (você não pode ignorar a #9)

Desanimado com os treinos?

Independente dos seus motivos para começar a correr, saiba que é preciso tempo de prática para conquistar os resultados desejados e não desistir da corrida de rua.

Até lá, o grande desafio de todo corredor iniciante é justamente manter-se motivado para seguir corretamente o treinamento e cumprir todas as etapas propostas.

Já sabemos que quando deixamos o sedentarismo para trás, nosso corpo e mente agradecem. Ficamos mais dispostos e menos estressados. Sem contar os inúmeros benefícios para a saúde.

Mesmo com tantas vantagens, nenhum corredor está imune às distrações e desculpas que inevitavelmente contribuem para o desânimo e abandono precoce dos treinos.

Preguiça, sono, falta de tempo, balada na noite anterior? Você não é o único a se deparar com essas barreiras.

Nosso objetivo com este artigo é mostrar a você dicas imperdíveis para driblar esses e outros inimigos que abalam a motivação do corredor iniciante.

Preparado para colocar um gás a mais nos treinos e não desistir da corrida?

Então, vamos lá!

 

Truques para se manter motivado e não desistir da corrida

As dicas abaixo poderão ser verdadeiros estímulos de apoio para o sucesso dos seus treinos.

Portanto, lembre-se de voltar a esse artigo sempre que precisar de uma ajuda. Seja quando o treino ficar difícil de ser cumprido ou quando você tiver desanimado e precisar de inspiração para levantar da cama.

Dica #1: Inscreva-se em uma prova

inscreva-se-prova

Treine para uma corrida específica, como as tradicionais provas de 5 km.

Elas são ideais para um corredor iniciante, não exigem muito esforço e tanto tempo de treino. Para um corredor que começou a dar os primeiros passos, dez semanas de treino são, em geral, o suficiente para realizar uma prova como essa.

As provas de 5 km também são bem acessíveis. O calendário anual de competições está cheio delas.

Se decidir encarar o desafio e se deparar com a vontade de desistir, pense na satisfação que você terá ao cruzar a linha de chegada.

Dica #2: Busque apoio na família

não desistir da corrida

É importante dar um significado pessoal para a corrida. Seus objetivos devem ser aquilo que você deseja alcançar e não o que vai atender às expectativas de outras pessoas.

Isso não quer dizer, no entanto, que o estímulo que vem de dentro de casa não deva ser valorizado. Pelo contrário!

Contar com o apoio da família é essencial para o sucesso dos treinos, em especial para pessoas casadas e com filhos. Imagina não poder contar com a sua mulher ou seu marido para cuidar dos filhos enquanto você treina? Sem essa cumplicidade, fica complicado encaixar os treinos no dia a dia.

Dica #3: Treine acompanhado

treine-acompanhado

Ache um parceiro de corrida. Ele pode ser o incentivo que faltava.

A presença de um ou mais amigos treinando a seu lado é um estímulo e tanto. Você pode dividir dúvidas, conversar sobre vários assuntos e ainda espantar a preguiça: quando um corredor está contando com você, é mais difícil faltar ao treino.

A descontração que o grupo propicia também torna a prática de exercício físico mais prazerosa e dá a sensação de que o treino passa mais rápido.

São os companheiros de corrida os primeiros a incentivá-lo a não parar e as vitórias individuais, como perda de peso ou conseguir correr uma maratona, passam a ser conquistas do grupo como um todo.

Dica #4: Siga um plano de treinamento

siga-plano-treinamento

Seguir um plano de treinamento certamente irá ajudá-lo a manter o ânimo com a corrida, além de facilitar os treinos.

Apesar dos diversos sites e revistas que disponibilizam uma variedade de planilhas de treino, considere a possibilidade de correr com um treinador ou assessoria esportiva.

Com acompanhamento profissional, você contará com um programa de treinamento individualizado, de acordo com as suas necessidades, e os seus resultados serão otimizados.

Dica #5: Varie o cenário

varie-o-cenario

Você corre sempre na mesma esteira ou faz sempre o mesmo percurso ao ar livre? Chega disso. A monotonia é o primeiro passo para o desânimo.

Que tal experimentar um parque diferente ou um bairro mais tranquilo e arborizado? Quem sabe variar o terreno: areia da praia, cascalho da trilha?

Está sempre treinando no plano? Arrisque algumas subidas!

Dica #6: Respeite seus limites

respeite-seus-limites

Nem sempre você está no melhor dia para correr. Foi dormir tarde, está se recuperando de um resfriado? Respire fundo e persista. Tentar fazer pelo menos uma parte do planejado já é uma vitória.

Até atletas profissionais deixaram de treinar conforme o programado. Pode acontecer. O importante é focar no objetivo maior.

Supere os dias ruins, volte para o programa e ainda assim você atingirá suas metas.

Dica #7: Não se compare aos outros

não-se-compare

Um erro comum é se comparar com outros corredores, o que, como sempre, pode desanimar ou até ofuscar os seus resultados.

É preciso individualizar ao máximo o seu treino, objetivo e principalmente saber em que fase você se encontra.

Nada de cair na tentação de ver a que velocidade o seu vizinho de esteira está correndo ou ainda fazer de tudo para ultrapassar quem se encontra à sua frente em uma prova.

Você não precisa de mais essa pressão em sua vida.

Dica #8: Corra das desculpas

corra-das-desculpas

Separe um tempo do seu dia para treinar e lembre-se de que esse momento deve ser sagrado.

Na hora de sair de casa, não pense duas vezes. Simplesmente calce o tênis e vá.

Falta tempo, falta energia, está muito quente, está muito frio, dormiu pouco. Ok! Vá mesmo assim, pois as desculpas sempre vão existir. Cabe a você driblá-las.

Concentre-se no principal motivo que o levou a correr e tenha em mente a sensação de recompensa e dever cumprido após finalizar um treino.

Dica #9: Defina um objetivo

defina-um-obetivo

Sem um objetivo para perseguir, chegar perto do seu melhor potencial fica mais difícil.  Por isso, estabelecer metas na corrida deve fazer parte do seu roteiro para o sucesso. Essa é uma dica que você não pode ignorar.

Trace metas a curto e médio prazo para garantir sua presença nos treinos e avalie a cada mês como tem sido o seu progresso.

Estabeleça uma data limite. Sem ela, é mais fácil deixar para depois…

Ao definir objetivos e prazos, leve em consideração sua vida, seus horários, sua família e, principalmente, sua condição física e biótipo.

Não dê um passo maior do que a perna. Priorize objetivos factíveis. Metas irreais levam à frustação. Por outro lado, se forem muito fáceis, você ficará entediado.

Dica #10: Anote tudo

anote-tudo

Já pensou em ter um diário de treinamento? Essa pode ser uma boa maneira de acompanhar o seu progresso e ainda permanecer motivado.

Faça anotações sobre os treinos, como o seu tempo de corrida, as sensações sentidas, a frequência cardíaca etc.

Coloque também um calendário na geladeira ou em frente ao computador e marque toda vez que for correr. Orgulhe-se ao ver o número de corridas aumentando ou atente-se para o quanto está adiando seus objetivos, se for o caso.

Bateu aquele desânimo? Revise seu progresso já conquistado, reveja suas planilhas e lembre-se do tempo e dos esforços investidos. Isso vai ajudá-lo a sair da cama.

Dica #11: Escolha a batida perfeita

musica-corrida

É fato: a música tem o poder de empurrar a gente pra frente. Com você não vai ser diferente. Faça uma playlist irresistível, com suas faixas prediletas, e veja como o treino ganha um up.

Nem todo mundo, claro, gosta de correr com fones no ouvido. Pra alguns, correr significa ligar-se a seu próprio corpo, viver o momento e não ficar trotando pelo parque ouvindo alguém cantar no seu ouvido. A escolha é sua! Descubra qual é o seu perfil e, se for o seu estilo, aproveite o poder da música.

 

Conclusão: recapitulando as dicas para se manter motivado

Manter-se motivado nos treinos de corrida não é fácil. Requer certa dose de disciplina e outra de perseverança.

O objetivo deste artigo, no entanto, foi mostrar dicas simples que podem te ajudar a prosseguir focado em seus objetivos.

Vamos relembrar todas:

  1. Inscreva-se em uma prova
  2. Busque apoio na família
  3. Treine acompanhado
  4. Siga um plano de treinamento
  5. Varie o cenário
  6. Respeite seus limites
  7. Não se compare aos outros
  8. Corra das desculpas
  9. Defina um objetivo
  10. Anote tudo
  11. Escolha a batida perfeita

Espero que algumas dessas 11 dicas tenham sido úteis para melhorar o seu desempenho.

Você conhece alguém que adoraria receber essas dicas?

Então faça um favor para ela e compartilhe esse artigo.

Você pode compartilhá-lo no Facebook, Twitter, Google+ ou até mesmo copiar a URL e enviar para quem precisa dele.

Para finalizar, adoraríamos ouvir a sua opinião.

Deixe um comentário logo abaixo sobre o que você mais gostou, ou sobre alguma dica extra que você deseja compartilhar conosco ou até mesmo alguma crítica sobre esse texto.

Para finalizar, fica aqui uma lição de casa: bora se empenhar para fazer do próximo treino o mais estimulante possível?

Até o próximo post!

 

Deixe o seu comentário

Compartilhe
Equipe Run&Fun
Equipe Run&Fun

ascom@runefunbh.com.br

Este artigo foi produzido por um de nossos especialistas em treinamento esportivo, qualidade de vida e saúde. Gostou do conteúdo? Então compartilhe com os seus amigos nas redes sociais!

1
Olá! Bem-vindo à RunFun!
Como podemos te ajudar?
Powered by
X