RUN&FUN

A Run&Fun é líder em assessoramento esportivo no Brasil. Ajudamos milhares de pessoas na busca por mais qualidade de vida.

Entre em Contato
(31) 3654-3922
AV. PORTUGAL, 4340 / SL. 202
Siga a Run&Fun
Top

4 características do treino para triathlon que você deve conhecer

A superação é um dos predicados que todo atleta deve manter consigo. Levando isso em conta, o triathlon é uma das modalidades mais desafiadoras, afinal, ele mescla diferentes esportes e exige muito por parte dos competidores. Composto por percursos em que há corrida, natação e bike, o treino para triathlon é específico e requer uma preparação característica.

Também chamado de triatlo, o esporte tornou-se olímpico no ano 2000. Suas raízes, no entanto, remetem à Grécia Antiga, embora a modernidade tenha se apropriado da ideia na década de 1970. Se você deseja saber quais são os traços desse tipo de treinamento, continue lendo o post!

1. Começar com distâncias curtas

Sonhar e ter ambição são dois combustíveis importantes. Contudo, é preciso que você comece de baixo, para que seu corpo se acostume mais às distâncias. Tente progredir de acordo com as seguintes referências:

Short Triathlon

É composto por 750 metros de natação, 20 km de bicicleta e 5 km de corrida.

Distância olímpica

O desafio é um pouco maior. Faça 1,5 km na água, 40 km de bike e 10 km correndo.

Meio Ironman

Aqui a ideia é fazer metade do trajeto percorrido no Ironman, uma das mais famosas competições para triatletas. Tente fazer 1,9 km nadando, 90 km pedalando e 21 km de corrida.

No começo parecerá difícil. Aos poucos, no entanto, você ficará mais preparado e saberá exatamente como seu corpo responde a cada etapa.

2. Manter a rotina no treino para triathlon

Para ser um atleta, é preciso se comportar como tal. Nesse sentido, ter uma alimentação adequada e dormir bem são requisitos imprescindíveis.

Fuja dos excessos e tenha um compromisso consigo mesmo em relação ao seu planejamento de treinos. Para isso, a ajuda de um acompanhamento profissional pode ser decisiva: ele não só elaborará um treino para triathlon adequado ao seu corpo, como também auxiliará na motivação, na disciplina e na saúde.

Às vezes, arrumar tempo para conciliar corrida e trabalho pode ser difícil. Carregar a bike pela cidade ou contar com uma piscina sempre por perto também. Dessa forma, vale a pena fazer adequações, de modo que você consiga executar seus planos de treinamento sem enfrentar nenhum obstáculo.

3. Fazer treinos de transição

Para melhorar sua performance como triatleta, os treinos de transição são essenciais. São eles que ajudam na adaptação do corpo em relação às trocas de modalidade. Ou seja, para que seu físico não estranhe a mudança do ciclismo para a corrida, é preciso conviver com essa alternância.

Sendo assim, faça treinamentos que mexam diretamente com esse aspecto. Na hora da prova, você sentirá a diferença e terá uma importante vantagem em comparação com quem não está acostumado a esse processo.

4. Continuar com a musculação

Preocupados com as provas, muitos esportistas se esquecem da importância do fortalecimento muscular. De nada adianta nadar em um ótimo tempo sem estar com a musculação em dia. Com músculos fortes, os riscos de lesão diminuem e o corpo fica mais resistente. Portanto, fazer musculação é fundamental no treino para triathlon.

Se você gostou do texto e quer saber mais sobre o assunto, entre em contato conosco. Podemos ajudá-lo a superar seus limites!

Deixe o seu comentário

Compartilhe
Equipe Run&Fun
Equipe Run&Fun

ascom@runefunbh.com.br

Este artigo foi produzido por um de nossos especialistas em treinamento esportivo, qualidade de vida e saúde. Gostou do conteúdo? Então compartilhe com os seus amigos nas redes sociais!

X