RUNFUN

A RunFun é líder em assessoramento esportivo no Brasil. Ajudamos milhares de pessoas na busca por mais qualidade de vida.

Entre em Contato
(31) 3654-3922
AV. PORTUGAL, 4340 / SL. 202
Siga a RunFun
Top

[CBHC] #D9 Correr na Avenida Vilarinho

Se o projeto Conhecendo BH Correndo fosse um filme, Belo Horizonte seria o artista principal, eu, o ator coadjuvante, e seria recheado de participações especiais: você que acompanha o projeto, admira, incentiva e, de um modo ainda mais especial, aquelas pessoas que abrem mão de um pedacinho do domingo para conhecer a capital mineira correndo comigo.

Tive esse privilégio na minha última missão. Contei com apoio de uma dupla companhia: Paula (Assunção) e Paula (Pinheiro), o mesmo nome e a mesma motivação: a corrida. Claro que quem corre acompanhado não pode se preocupar muito com ritmo e desempenho e foi o que aconteceu: nos concentramos em aproveitar o momento e colocar o papo em dia.

O ponto de encontro foi em frente ao Shopping Norte, na Zona Norte de Belo Horizonte. A meta era percorrer a Avenida Vilarinho, a mais famosa da região. Onde um dia o córrego Vilarinho corria a céu aberto, hoje é um mar de asfalto, com trânsito intenso e comércio movimentado.

Eu particularmente gosto dessa “corrida urbana”, de estar entre as pessoas e disputar espaço com os carros. É evidente que esse tipo de cenário exige de nós muito mais atenção. Não dá para correr com fone de ouvido, é preciso ficar ligado na pista e atento aos sinais de trânsito.

corrida de rua

A pista destinada a pedestres (2.450 metros) e ciclistas (2.600 metros) localizada no canteiro central da avenida ajudou a trazer mais segurança à prática esportiva. Como o número de ciclistas na pista era pequeno no domingo em que fizemos a visita, sobrou ainda mais espaço para nós, corredores.

Percorremos quase 6 km e, no final da ciclovia sentido bairro, tivemos uma boa notícia: a ampliação da pista até o final da avenida já está sendo realizada. Outro ponto positivo é que a Avenida Vilarinho é de fácil acesso, seja de carro, metrô ou Move.

O que falta, como em diversos pontos da cidade, são pontos de hidratação e banheiro público. Na falta deles, a gente precisa encontrar um jeitinho de se virar. Uma boa estratégia é ter sempre um ponto de apoio como referência durante o percurso. No caso da Vilarinho, o Shopping Norte atende bem essa necessidade.

Correr na Avenida Vilarinho valeu a pena: foi divertido e merece nova visita!

Eu? Tô Conhecendo BH Correndo. E você? Vem comigo uai!

Correr Zona Norte de Belo Horizonte

Deixe o seu comentário

Compartilhe
Felipe Branco
Felipe Branco

filipibranco@yahoo.com.br

Felipe Branco, 27 anos, é daqueles corredores “sem tempo ruim” e que adoram um desafio. Quando ingressou na corrida de rua há cinco anos, tinha a Avenida Cristiano Machado e o Anel Rodoviário como pista de corrida. Ele se aventurava ali mesmo, pois preferia se arriscar a deixar de correr. Hoje, ele inclui trechos mais seguros na sua rotina de treinos. Talvez daí, a necessidade de explorar a cidade e compartilhar os achados com outros corredores.

WhatsApp chat
1
Olá! Bem-vindo à RunFun!
Como podemos te ajudar?
Powered by
X