RUNFUN

A RunFun é líder em assessoramento esportivo no Brasil. Ajudamos milhares de pessoas na busca por mais qualidade de vida.

Entre em Contato
(31) 3654-3922
AV. PORTUGAL, 4340 / SL. 202
Siga a RunFun
Top

Ultra Fiord 70k: como estão meu corpo e mente a dois meses da prova?

Dos cinco meses de preparação para a Ultra Fiord 70k, três já se foram.

O que mudou no meu dia a dia? Como o corpo e a mente estão respondendo ao maior volume de corridas e musculação? Neste post vou contar um pouco sobre minhas experiências nesse período.

No início dos treinos, eu esperava um maior volume de corridas, é claro. Mas, logo nos primeiros 30 dias de treinamento, foram 240 quilômetros percorridos, um volume superior a cada um dos quatro meses de preparação dos 42km da Mizuno Uphill Marathon, em 2015.  Até agora, foram quase 580 quilômetros percorridos entre asfalto, muitas montanhas elevadas e terrenos acidentados. O volume continuará subindo até o final de março e, até lá, a programação de treinos inclui também uma ultramaratona nas montanhas de Passa Quatro (MG), ainda em fevereiro, onde correrei seis horas e possíveis 55 km.

Quanto à musculação, sinto que eu deveria estar fazendo um volume maior. A agenda pessoal e profissional me permite treinar somente três vezes por semana, mas não sofro com isso. Estou muito seguro com a metodologia proposta pelo meu personal trainer e sigo com o fortalecimento e aumento de resistência física de forma adequada. Faço massagens esportivas, quinzenalmente, o que tem contribuído na prevenção de câimbras e possíveis desconfortos.

Já a dieta recomendada pelo meu nutricionista, tem sido cumprida de forma equilibrada. Às vezes, falho em função do dia a dia profissional e viagens, mas nada que prejudique o desempenho esperado de um atleta amador como eu. Socialmente, tenho conseguido conciliar muito bem minha agenda com os treinos e o fato de consumir pouca bebida alcoólica e evitar alimentos gordurosos há muitos anos contribui para esse processo. Vitoriosamente, neste período, consegui aumentar minha massa muscular e manter os meus tradicionais 82 kg.

Apesar de a vida profissional estar ainda mais ativa e, neste momento de mercado, mais desafiadora, sinto-me muito bem, com ótimas recuperações pós-treinos, sem dores, desconforto e livre dos cansaços excessivos.

Nesses três primeiros meses de treinamento, sinto também que me fortaleci mentalmente. Ampliei minha concentração na corrida, o que tem me permitido correr maiores volumes com menor percepção de esforço e frequência cardíaca ainda mais baixa. Outro detalhe marcante é que, atualmente, valorizo ainda mais as oportunidades de assentar e deitar. Ultimamente, procuro posições que ajudam a acelerar minha recuperação e que aliviam o cansaço. Tem sido um ótimo aprendizado que eu não tinha vivenciado em outros desafios!

Posso afirmar também que me sinto seguro, focado e preparado para o desafio. Afinal, estou seguindo os seis passos do meu planejamento com fidelidade e isso conforta, me faz cumprir as metas diárias e impor limites.

Agradeço a Deus e às pessoas que me apoiam. Hoje, tenho a clara percepção que a corrida me torna um ser mais equilibrado, sensível, analítico, persistente e com maior capacidade de superação e concentração.

Dentro da corrida eu consigo ser quem eu quero ser na vida!

Espero que, com a minha experiência, você possa se motivar a superar seus novos desafios de forma planejada e equilibrada.

Desafie-se, pois você será sempre capaz de ir além do que você imagina…

 

Deixe o seu comentário

Compartilhe
Saulo Arruda
Saulo Arruda

saulo@sauloarruda.com.br

Mineiro de nascença e de coração, o trabalho intenso ditava o ritmo de vida de Saulo Arruda até que uma repentina internação em função da pressão alta o levou a repensar seus hábitos. Começava ali um novo capítulo: redução do peso corporal, alimentação balanceada, exercícios físicos regulares e maior atenção à mente fizeram com que Saulo descobrisse a corrida de rua.

WhatsApp chat
1
Olá! Bem-vindo à RunFun!
Como podemos te ajudar?
Powered by
X